ISCED-HUÍLA

Uma trajectória Docente a Serviço da História de Angola e da África

Uma trajectória Docente a Serviço da História de Angola e da África

Durante boa parte do século XX aprendemos que os indivíduos não possuíam tanta importância, e que suas performances não significavam muito. Aprendemos também que as pessoas representavam pouco diante das estruturas, dos contextos…

Contudo, com a Micro-história, e o retorno das biografias ao contexto dos historiadores e historiadoras, podemos perceber a importância das pessoas, dos indivíduos. E no que tange aos Estudos Africanos e a História da África, não há como negar a fundamental importância de algumas personalidades, notadamente daqueles que durante muito pelejaram pela consolidação deste campo de estudos.
Em relação a história de Angola, pode-se afirmar que o indivíduo tem lugar privilegiado, seja pela performance e modo como procede na feitura das pesquisas, seja pelo modo como encara os fenômenos, eventos e contextos.

É com grande orgulho que damos o prosseguimento a nossa secção de entrevistas com a presença de um dos maiores historiadores angolanos do tempo presente: Hélder Alicerces Bahú, na próxima quarta-feira, 23/09/2020, a partir das 13 horas, horário de Brasília, e 17h, horário de Angola, discutindo o tema “Uma trajetória docente a serviço da História de Angola e dos Estudos Africanos”. Além de ser uma das figuras de maior prestígio sobre Estudos Africanos no âmbito internacional, e da História de Angola, no contexto nacional, *Hélder Alicerces Bahú tem se esforçado para formar uma nova geração de historiadores e profissionais da área do ensino. É Professor do Departamento de Ciências Sociais, Repartição de História do Instituto Superior de Ciências da Educação da Huíla (ISCED-HUÍLA). É mestre em Antropologia: Patrimónios e Identidades, Doutor em Antropologia pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa de Lisboa (ISCTE-IUL), além de Coordenador do Centro de Investigação e Desenvolvimento da Educação (CIDE). !!!

Teremos como entrevistadores os professores Rodrigo Rezende (UFF – Campos dos Goytacazes), Yuri Manuel (ISART – Angola) e Ivaldo Lima (UNEB DEDC II).

Participe conosco acompanhando a palestra e expressando suas dúvidas, comentários e críticas para complementar o nosso debate.

Contamos com vossas presenças no nosso canal “África do século XX” (https://www.youtube.com/channel/UCouDGFJlWvpIVygBix7k_rA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *